Facebook Pixel

Um case da Consultoria Pood em destaque no CrossFit Journal - Pood Blog

Um case da Consultoria Pood em destaque no CrossFit Journal

Kamon CrossFit, no centro da capital brasileira, Brasília, costumava ser uma oficina mecânica. O dono, Adriano Teles, preservou placas originais de sinalização na parede, com os dizeres "Suspensão" e "Amortecedores", e acrescentou os banners da Rogue e da Pood.

Teles, que possui 227 membros afiliados desde 2014, mantém o foco em fitness, família e diversão - com ênfase na diversão. Ele e alguns membros foram a um evento da Volkswagen e lá puxaram um carro, e todos começaram a falar sobre o que mais poderiam puxar.

Finalmente, alguém perguntou: "Você acha que podemos puxar um avião?"

Teles estava inspirado. Fez alguns telefonemas, contatou seu primo, um piloto, e logo os membros da Kamon CrossFit estavam usando sua aptidão física para puxar e empurrar um avião.

O próximo item com rodas a ser puxado na lista de Teles é um Food Truck. Aqui, na última edição desta série, Teles responde 10 perguntas sobre como ser um afiliado da CrossFit.

[caption id="attachment_710" align="aligncenter" width="625"]Proprietário de Kamon CrossFit, Adriano Teles. Proprietário de Kamon CrossFit, Adriano Teles.[/caption]

1. Qual foi o seu trabalho antes de abrir seu box afiliado?

Eu era o gerente de negócios e fundador da InkMustache, uma empresa de desenvolvimento de software especializada em experiências de usuários, conhecido como passar 10 horas por dia sentado em frente a um computador.

2. Qual é a experiência mais memorável que você teve - boa ou ruim?

Claudia, carioca e irmã de um de nossos membros, saiu do nosso banheiro e disse: "Uau, seu banheiro é tãaao Nutella!". (Nutella é uma expressão usada para se referir a algo bonitinho, fofinho, afrescalhado).

Nós até postamos um meme sobre isso no nosso Instagram.

3. O que mais surpreendeu sobre ter um box afiliado?

Os donos do box não são os únicos "proprietários" do box. Ao construir uma comunidade, percebi que podemos desenvolver o senso de propriedade em nossa equipe e membros. A equipe e os membros cuidam do box com você e fornecem feedbacks inestimáveis que te ajudam a caminhar rumo a excelência.

Gosto de pensar que tenho um conselho consultivo de mais de 200 pessoas.

4. Qual é a melhor decisão que você fez como proprietário?

Depois de alcançar um certo número de membros, contratei uma pessoa para me ajudar com as operações.

No começo da operação, acredito que você pode e deve fazer algum, se não, a maior parte do trabalho. Principalmente porque é bom aprender sobre o assunto e porque as receitas e os lucros ainda não estão onde você gostaria que estivessem.

Depois de alcançar um certo número de membros ou lucro, as operações passam a ser muito exigentes, e o que vai fazer a diferença no sucesso a médio e longo prazo será a estratégia. Você precisará planejar com antecedência e contratar alguém para ajudá-lo com as operações para que você possa se concentrar mais na estratégia, especialmente para manter e expandir seu box.

5. Qual foi o seu maior erro?

Definitivamente não ter alinhando expectativas claras e não ter assinando um contrato com antecedência. Eu fiz uma parceria com alguém que confiei e não acabou bem, resultando em grandes perdas financeiras e problemas emocionais e ações judiciais.

A Kamon CrossFit é uma das quase 1.000 afiliadas no Brasil, que está atrás apenas dos Estados Unidos em números de afiliados.

6. Que conselho que você daria a alguém que esteja pensando em abrir um afiliado da CrossFit?

Se você tem um parceiro ou sócio, defina expectativas claras que cada sócio ou parceiro tem, anote-as e então assine um documento. As perguntas devem incluir: "O que você deseja realizar com o box?" "Quanto dinheiro você espera retirar por mês?" "Quantas horas por semana você está disposto a trabalhar nisso no primeiro ano, no segundo ano e no quinto ano?" "O que acontece se as coisas derem errado?" O que acontece se as coisas saírem melhores do que o esperado?" Assine um contrato que leve em consideração o que acontecerá em ambos os cenários: negativo e positivo. Não cometa o erro de não assinar um contrato porque confia na pessoa, seja seu melhor amigo ou cônjuge. Os acordos assinados não têm nada a ver com falta de confiança. Eles têm tudo a ver com ser claro e sério sobre algo que mudará sua vida.

7. Qual é a melhor desculpa que você já ouviu falar de um membro sobre perder um treino?

Flavio, carinhosamente apelidado de Dr. House, devido ao seu senso de humor ácido como o do Dr. House da série de TV "House", apareceu com uma camiseta engraçada: "Eu tenho mil desculpas, qual você quer ouvir primeiro?".

8. O que você gosta de fazer quando não está no box?

Pode parecer que sou workaholic, mas não sou... também sei que os workaholics não se vêem como um, mas eu até consigo ter minhas oito horas de sono diárias. Eu gosto constantemente de revisar os processos da Kamon para melhorá-los, especialmente nosso planejamento anual de treino que vem sendo aprimorado há mais de 3 anos. E quando eu tiro uns dias de folga, gosto de viajar e visitar outros afiliados da CrossFit para benchmarking de negócios e treinos.

9. O que você deseja que os membros conheçam sobre seu trabalho?

Que eu abandonei meu trabalho anterior e recusei muitas oportunidades profissionais promissoras para dedicar muito tempo e energia para construir o melhor box para eles, para que eles também possam transformar suas vidas.

10. Qual é a coisa número um que você acha que poderia levar o seu negócio para o próximo nível?

Nunca parar de procurar melhorar, que significa estar sempre aprendendo e compartilhando conhecimento com toda a equipe.

Leave a Reply
WhatsApp Chat WhatsApp Chat